Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

OMS lista as doenças emergentes com maior probabilidade de causar epidemias

domingo, janeiro 24, 2016 0 Comentários


Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

A Organização Mundial de Saúde (OMS) convocou um grupo de cientistas e especialistas em saúde pública para listar de cinco a dez doenças emergentes que devem ser priorizadas, devido a grande chance de epidemias num futuro próximo, e que ainda não existe medicamento específico para controle. A atenção voltada para essas doenças irá ajudar na pesquisa e desenvolvimento (P&D) de ferramentas que poderão ser utilizadas no combate e controle de possíveis futuras epidemias.

A lista inicial contém as seguintes doenças:

  1. Febre hemorrágica da Criméia (do Congo);
  2. Doença do vírus Ebola;
  3. Febre hemorrágica de Marburg;
  4. Febre de Lassa;
  5. Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS);
  6. Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS);
  7. Infecção pelo vírus Nipah;
  8. Febre do Vale do Rift.

Essa lista inicial será revisada anualmente ou quando uma nova doença venha a aparecer.

A partir dessa listagem será possível iniciar ou melhorar o processo de P&D para desenvolver métodos de diagnóstico, vacinas e terapias para essas doenças.

Três ouras doenças foram classificadas como “sérias”, demandando ação da OMS para promover a P&D o mais rápido possível:

  • Infecção pelo vírus Zika;
  • Infecção pelo vírus Chikungunya;
  • Síndrome febril grave com trombocitopenia.

Outras doenças potencialmente causadoras de epidemias, como dengue, HIV/AIDS, tuberculose e malária, não foram incluídas na lista devido a uma rede de pesquisa e controle já estabelecida.

Como podemos perceber os vírus estão à solta! E o Brasil está sofrendo com grandes epidemias virais, como a da Zika, dengue e Chikungunya. Grande esforço deve ser feito para que essas infecções sejam controladas, vacinas sejam produzidas e medicamentos desenvolvidos.

Com informações da OMS

Brunno Câmara Biomédico

Biomédico, CRBM-GO 5596. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast (biomedcast.com).