Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

Tudo o que você precisa saber sobre os basófilos

quarta-feira, julho 20, 2016 0 Comentários


Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

basófilos

Os basófilos compartilham muitas características com os mastócitos, incluindo a expressão de FcεR1, secreção de citocinas Th2, coloração metacromática e liberação de histamina depois de sua ativação.

Apesar disso, os basófilos possuem muitas características únicas. Uma delas é a rápida e potente expressão de IL-4 e IL-13.

Acreditava-se que eles tinham funções similares as dos mastócitos, mas trabalhos recentes mostraram que eles têm funções distintas e também seu papel nas respostas alérgicas e na regulação imune.

Morfologia

Os basófilos têm de 5 a 8 μm de diâmetro, possuem um núcleo segmentado e condensado. São identificados através da coloração por corantes básicos, como o azul de toluidina ou azul de alcian.

Existem poucos, mas grandes, grânulos nos basófilos, se comparados aos mastócitos. Ao contrário dessas, os basófilos têm pouca capacidade proliferativa.

Eles expressam uma variedade de receptores para citocinas (ex.: IL-3R, IL-5R, e GM-CSFR), receptores para quimiocinas (CCR2 e CCR3), receptores para o complemento (CD11b, CD11c, CD35, e CD88), receptores para prostaglandinas (CRTH2), receptores para a região Fc das imunoglobulinas (FcεR1 e FcγR2b) e receptores Toll-like (TLRs).

Desenvolvimento

Os basófilos se originam a partir de progenitores CD34+, se diferenciam e maturam na Medula Óssea (MO), circulam no sangue periférico, onde constituem < 1% dos leucócitos, e têm alguns dias de vida.

A principal citocina que promove a diferenciação das células progenitoras em basófilos é a IL-3.

Eles expressam integrinas e receptores de quimiocinas, sendo capazes de infiltrar nos tecidos inflamados (estude mais sobre o recrutamento de leucócitos na áudio aula de imunidade inata), particularmente na pele com dermatite atópica e nas vias respiratórias nas alergias respiratórias.

Ativação

Os basófilos expressam receptores para a região Fc das imunoglobulinas (FcεR1), que estão relacionados com a concentração de IgE livres.

A agregação de FcεR1 ligada com IgE por anticorpos multivalentes levam a ativação dos basófilos, exocitose de seus grânulos e liberação de mediadores.

C3a e C5a também ativam os basófilos, através de seus receptores na superfície dessas células.

IL-3, IL-5, GM-CSF, fator de liberação de histamina, assim como diversas citocinas, ativam basófilos levando a uma degranulação aumentada e secreção de IL-4 e IL-13.

TLR 2 e TLR 4 também são expressos em basófilos e a sua ativação leva a secreção de IL-4 e IL-13 e potencialização da ativação induzida e não induzida por IgE.

Mediadores

Assim como os mastócitos, os mediadores produzidos pelos basófilos são divididos em mediadores pré-formados, mediadores lipídicos recém sintetizados e citocinas/quimiocinas.

O principal mediador pré-formado, presente nos grânulos dos basófilos, é a histamina.

A histamina, que é uma amina vasoativa, forma complexos com proteoglicanos, principalmente sulfato de condroitina, e se dissocia após a exocitose por trocas iônicas e mudanças no pH.

Ela tem efeitos no músculo liso (contração), nas células endoteliais, terminações nervosas e na secreção de muco. Possui uma meia-vida de aproximadamente 1 minuto no líquido extracelular e é degradada pelas enzimas histamina N-metiltransferase e diamina oxidase.

Citocinas liberadas por basófilos são importantes na amplificação da síntese de IgE.

Função na saúde e doença

A função fisiológica dos basófilos continua desconhecida, apesar de parecerem estar envolvidos na defesa contra parasitas.

Os basófilos são a principal fonte de IL-4 para os leucócitos ativados por parasitas e alérgenos.

Nas neoplasias mieloproliferativas, principalmente as crônicas, o número de basófilos pode estar aumentado no sangue periférico.

Fonte: Stone KD, Prussin C, Metcalfe DD. IgE, Mast Cells, Basophils, and Eosinophils. The Journal of allergy and clinical immunology. 2010.

Brunno Câmara Biomédico

Biomédico, CRBM-GO 5596. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast (biomedcast.com).