Cheirando ocitocina

Por Brunno Câmara - terça-feira, dezembro 13, 2011


Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits


Um spray nasal que contém ocitocina pode melhorar o comportamento social das pessoas, deixando-as mais descoladas e desinibidas. A pesquisa, publicada no jornal "Psychopharmacology", vem da Universidade Concordia, no Canadá.

A ocitocina é um hormônio estimulante ligado a contrações musculares durante o parto e também à amamentação.

Ao ser inspirado, a reação é totalmente outra. "Sob os efeitos da ocitocina, uma pessoa pode se tornar mais extrovertida, mais aberta a novas ideias e mais confiável", comenta o psicopatologista Mark Ellenbogen, que coordenou o trabalho.

Cem voluntários de 18 a 35 anos foram convocados para o teste com o spray nasal. Para não ocorrerem distorções no resultado, antes de inalarem a substância, eles não puderam tomar qualquer remédio, usar drogas recreativas, fumar cigarro e nem terem sofrido desordens mentais atuais ou no passado.

A administração da ocitocina amplificou alguns traços de personalidade, tais como confiança, altruísmo e abertura, disse o autor principal da pesquisa, o estudante de graduação de psicologia Christopher Cardoso.

folha                                      Artigo Original: <http://migre.me/78rnM>

Brunno Câmara Autor

Brunno Câmara - Biomédico, CRBM-GO 5596, habilitado em patologia clínica e hematologia. Docente do Ensino Superior. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Mestre em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro (área de concentração: virologia). Coordenador e docente do curso de pós-graduação em Hematologia e Hemoterapia da AGD Cursos. Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast.

  • Compartilhar:

Artigos relacionados

0 comentários