Pesquisadores desenvolvem teste rápido para tipagem sanguínea

Por Brunno Câmara - segunda-feira, março 20, 2017


Curta nossa página ↓

Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

A rápida identificação do grupo sanguíneo de pacientes é de extrema importância na medicina. Dentre os 35 sistemas sanguíneos oficialmente reconhecidos, os sistemas ABO e Rh recebem maior atenção, devido a alta mortalidade decorrente de erros em transfusões sanguíneas.

Os testes convencionais de tipagem sanguínea baseiam-se em técnicas em tubos, microplacas e/ou gel, e geralmente demandam um tempo maior para sua execução.

Na tentativa de diminuir esse tempo das técnicas convencionais, pesquisadores da Third Military Medical University, China, desenvolveram um teste rápido para a detecção de grupos sanguíneos, que engloba tanto a prova direta quanto a reversa.

O teste é baseado em papel e utiliza um corante para a visualização do resultado. A albumina sérica humana (ASH) reage com o corante verde de bromocresol (VBC), formando um complexo ASH-VBC verde-azulado em um meio ácido, enquanto que o sangue total produz um complexo marrom após reagir com o VBC, facilmente distinguível a olho nu.


Esquerda: apenas direta; Direita: direta e reversa.

A tira de papel é produzida com uma matriz de anticorpos e corante, e quando cerca de 100 uL de sangue total são aplicados, os quadrados mudam de cor de acordo com que o sangue espalha-se na fita e reage com os anticorpos. Se o antígeno (A, B e D) estiver presente, o quadrado fica verde-azulado, ou marrom se for ausente (confira o vídeo abaixo).

A metodologia foi testada em 3550 amostras sanguíneas, e a precisão alcançada foi mais de 99,9%, com o tempo de realização em torno de 30 segundos.

Os pesquisadores dizem que o teste rápido pode ser usado em zonas de guerra ou áreas remotas, onde não há equipamentos de laboratório para realização da tipagem sanguínea. Eles esperam colocá-lo no mercado dentro de 1-2 anos.

Zhang H et al. A dye-assisted paper-based point-of-care assay for fast and reliable blood grouping. Sci. Transl. Med., 2017. | Imagem: vide referência.

Brunno Câmara Autor

Brunno Câmara - Biomédico, CRBM-GO 5596, habilitado em patologia clínica e hematologia. Docente do Ensino Superior dos cursos de graduação em Biomedicina e Farmácia. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Mestrando no Programa de Pós-graduação em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro do Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - UFG (IPTSP-UFG). Coordenador e docente do curso de pós-graduação em Hematologia e Hemoterapia da AGD Cursos. Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast.

  • Compartilhar:

Artigos relacionados

0 comentários

Não temos interesse em publicar nada que nos ofenda ou ofenda outros visitantes. Só são aprovados textos que valorizem o que fazemos aqui e que podem ajudar outras pessoas, agregando valor ao conteúdo. O comentário precisa ser útil!