Como trabalhar como Biomédico Analista Clínico no Canadá

Por Brunno Câmara - domingo, março 31, 2019



📚🔬 Apostilas e Livro Digitais

Utilize nossas apostilas digitais como material complementar aos seus estudos - hematologia, uroanálise, parasitologia e líquor.

Vai estudar para um processo seletivo de concurso público ou residência multiprofissional? - Conheça nosso livro de questões comentadas



Uma dúvida que muitos biomédicos e estudantes de biomedicina têm é como podemos trabalhar em outros países. Nesse post, irei detalhar de que maneira poderíamos trabalhar no Canadá.

No Canadá, existe uma divisão das profissões em que o Profissional de Laboratório Clínico pode atuar. São elas:

  • Medical Laboratory Technologist;
  • Diagnostic Cytology Technologists
  • Clinical Genetics Technologist
  • Medical Laboratory Assistant

Medical Laboratory Technologists

Esses profissionais seriam o equivalente aos Analistas Clínicos no Brasil, que trabalham em laboratórios clínicos.

Eles podem se especializar nas seguintes áreas:

  • Clinical chemistry (bioquímica / hormônios);
  • Clinical microbiology (microbiologia);
  • Hematology (hematologia);
  • Transfusion science (banco de sangue e transfusão);
  • Histology (histotecnologia clínica).
Outras especialidades são imunologia, citometria de fluxo, parasitologia e microscopia eletrônica.

Diagnostic Cytology Technologists

São especializados em fazer exames citológicos, como o papanicolau, e de anatomia patológica.

  • Cytology (citologia);
  • Histology (histotecnologia clínica).
São responsáveis pela triagem, e em caso de resultado anormal, as lâminas são enviadas ao patologista para confirmação.

Clinical Genetics Technologist

Profissionais especializados em diagnóstico genético e molecular.

  • Molecular genetics (genética molecular);
  • Cytogeneticts (citogenética).

Medical Laboratory Assistant

Esse profissional trabalha sob a supervisão dos Medical Laboratory Technologists. Equivalem aos técnicos de laboratório aqui no Brasil.

Como aqui, lá no Canadá eles são responsáveis pela coleta e por todo o preparo da amostra até ser analisado pelo analista clínico.

Regulamentação

A profissão de Medical Laboratory Technologist é regulamentada nas províncias (equivalente aos nossos Estados) de Aberta, Manitoba, New Brunswick, Newfoundland and Labrador, Nova Scotia, Ontario, Quebec e Saskatchewan.

Não é regulamentada em British Columbia, Prince Edward Island, e nos Territórios.

Por lei, você não pode trabalhar como um Medical Laboratory Technologist em nenhuma província em que haja regulamentação, se você não tiver uma licença pelo órgão certificador da província.

A Canadian Society for Medical Laboratory Science (CSMLS) é o órgão certificador nacional e associação dos profissionais dessa área.

Ela trabalha em parceria com os órgãos reguladores provinciais, defende os direitos dos profissionais e também os certifica.

Sua certificação é aceita em todo o Canadá e é requerida pelas províncias e territórios onde não há órgão de regulação próprio.


Como se tornar um Medical Laboratory Technologist estudando no Canadá

Antes, é necessário entender como o ensino superior funciona no Canadá.

Resumidamente, existem duas possibilidades:

  • College: instituições oferecem cursos mais práticos, voltados para o mercado de trabalho. Cursos de 1 ano dão ao aluno um certificado e cursos de 2 a 3 anos dão um diploma.
  • University: instituições oferecem cursos de bacharelado, mestrado e doutorado, ou seja, elas oferecem graus de formação. São cursos com duração de 3 a 4 anos.
O primeiro pré-requisito é ter um high school diploma, o que seria equivalente ao nosso Ensino Médio, com ênfase em biologia, química, ciência da computação, química e matemática.

É necessário também fazer um post-secondary training program em ciências médicas laboratoriais. Esses programas são oferecidos tanto por Colleges quanto por Universities.

Nesse link você encontra uma lista dos programas que oferecem o curso.

Como se tornar um Medical Laboratory Technologist imigrando para o Canadá

Para trabalhar como Medical Laboratory Technologist com seu diploma de graduação aqui no Brasil, você deve passar pela avaliação da CSMLS e conseguir sua certificação.

Avaliação prévia

A primeira coisa, é saber se você pode fazer o exame escrito. Para isso, sua experiência será avaliada pelo Prior Learning Assessment (PLA) program.

As disciplinas requiridas para o General Medical Laboratory Technologist são:

  1. Clinical chemistry;
  2. Clinical microbiology;
  3. Hematology;
  4. Transfusion science;
  5. Histotecnology.
A taxa para a aplicação é de C$1.850,00 (dólares canadenses) para não membros da CSMLS. Mais informações aqui.

Após analisar sua documentação, eles irão liberar um relatório com 3 possíveis resultados:

  1. Você tem as competências necessárias e pode fazer o exame escrito;
  2. Você não tem todas as competências necessárias e precisa completá-las pode meio de um Learning Plan;
  3. Você não tem a formação necessária e precisa fazer um curso compatível.

Exame escrito

A taxa para fazer o exame é de C$1.800,00 (não residentes do Canadá). Isso mesmo, além da taxa do PLA você terá que pagar mais esse valor, totalizando C$3.650,00.

Nesse link você encontra um PDF com todas as informações sobre exame.

Após o exame

Se você passar, receberá o certificado da CSMLS. Além disso, para manter sua certificação, você deverá continuar sendo membro da sociedade.

A anuidade é de C$167,00 mais um seguro de responsabilidade civil de C$13,00. Existem vários benefícios, como a informação sobre vagas de emprego e cursos de aprimoramento.

Para trabalhar numa província em que a profissão é regulamentada, entre em contato com o órgão regulamentador para saber como se registrar.

Mais informações

Ficou curioso e interessado? Acesse o site da sociedade: www.csmls.org

Brunno Câmara Autor

Brunno Câmara - Biomédico, CRBM-GO 5596, habilitado em patologia clínica e hematologia. Docente do Ensino Superior. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Mestre em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro (área de concentração: virologia). Coordenador e docente do curso de pós-graduação em Hematologia e Hemoterapia da AGD Cursos. Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast.
| @biomedicinapadrao | LinkedIn | Lattes |