Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

Saiba como é a biomedicina pelo mundo

domingo, outubro 14, 2012 0 Comentários


Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

Você já deve ter tido a curiosidade de saber como é a biomedicina pelo mundo, assim como eu. Então vou apresentar aqui como ela é em outros países que também oferecem o curso. Apesar de o nome ser um pouco parecido, a nossa biomedicina pode ser bem diferente da biomedicina de outros países.

Isso deve-se ao fato de que a biomedicina no Brasil foi criada para suprir a falta de professores das disciplinas básicas do curso de medicina e também formar pesquisadores (veja Evolução da Biomedicina). Hoje somos a profissão de excelência em diagnóstico laboratorial.

Confira!

Austrália

O curso na Austrália é chamado de Bachelor of Biomedicine. O foco da graduação é o entendimento das estruturas e funções do corpo e também dos fatores determinantes da saúde e da doença, incluindo influências genéticas e ambientais.

A duração do curso é de três anos (período integral) ou seis/sete anos (meio período). Depois de ter completado os três anos, o aluno pode fazer um ano de Bachelor of Biomedicine (Honours). Se o aluno quiser continuar na área acadêmica pode fazer Graduate Coursework Degrees, Research Higher Degrees e Doctor of Philosophy (PhD).

O bacharel em biomedicina pode trabalhar em hospitais, laboratórios médicos, com microbiologia, com representação de suprimentos médicos e farmacêuticos, com ciências forenses, com vendas de equipamentos científicos e ciências farmacêuticas.

Mais informações: Universidade de Melbourne - bbiomed.unimelb.edu.au

Bélgica

Na Bélgica o curso é chamado de Biomedical Sciences e tem foco no estudo nos mecanismos fundamentais da vida, da fisiopatologia das doenças humanas e também na pesquisa de novas estratégias terapêuticas e diagnósticas.

A duração da graduação principal é de três anos, mas é possível pegar mais créditos, podendo prolongar o tempo de estudo.

O estudante é preparado para trabalhar em empresas de pesquisa clínica, assim como em universidades, hospitais e indústrias.

Mais informações: Universidade Católica de Louvain-la-Neuve - uclouvain.be

Inglaterra

Chamado de Biomedical Science, o curso é projetado para formar profissionais com o entendimento dos aspectos da patologia moderna e do laboratório médico e também das complexas investigações que requerem um profundo conhecimento científico em anatomia, fisiologia e patologia.

A duração do curso pode variar de uma instituição para outra, podendo ser de três ou quatro anos em período integral. Se for em meio período o curso tem duração maior.

O profissional (Biomedical Scientist) trabalha principalmente com análises clínicas. Pode se especializar em microbiologia clínica, química, banco de sangue, hematologia, histopatologia, citologia, virologia e imunologia.

O biomédico da Inglaterra se assemelha bastante ao do Brasil. Pode trabalhar em quase todas as áreas que nós também trabalhamos. Trabalham com aparelhos sofisticados, com controle de qualidade, banco de sangue, toxicologia, diagnóstico e pesquisa clínica.

Without biomedical scientists, hospital departments such as accident & emergency and operating theatres could not function.

Mais informações: The Institute of Biomedical Science - www.ibms.org

EUA

Nos Estados Unidos é um pouco diferente. Todo estudante de graduação escolhe uma área principal, que no caso da biomedicina ou Biomedical Science é o Bachelor of Science (BS/BSc) e tem duração de quatro anos sendo as matérias comuns a vários cursos da área científica, como engenharia, ciências da computação, matemática e ciências naturais.

Os estudantes do Bachelor of Science (graduação) que fazem Biomedical Sience têm matérias que são focadas nas ciências biológicas, como bioquímica, microbiologia, zoologia, biofísica, etc. Eles trabalham para ganhar conhecimento sobre os princípios de como o corpo humano funciona para encontrar novos caminhos para tratar ou curar doenças desenvolvendo ferramentas de diagnóstico avançadas e novas estratégias terapêuticas.

Depois da graduação, os alunos podem entrar em programas para se especializarem em áreas como biologia do câncer, genética humana, imunologia, neurobiologia, microbiologia, etc. Um exemplo desses programas é o Biomedical Sciences (BMS) Graduate Program, oferecido pela Universidade da Califórnia em São Francisco.

Caso o estudante queira continuar na área acadêmica, pode passar direto para o Master of Science (MS/MSc) equivalente ao nosso mestrado, com duração de um a dois anos. Por último, vem o Doctor of Philosophy (PhD) que equivale ao nosso doutorado.

Os profissionais (Biomedical Scientists) podem trabalhar na área acadêmica, dando aulas e realizando pesquisas científicas. Atuam também em imagenologia, engenharia genética, bioinformática, biologia computacional, biotecnologia, indústrias, entre outras.

Mais informações: Universidade da Califórnia - bms.ucsf.edu

México

A Biomedicina no México tem um enfoque totalmente na pesquisa. Existem duas importantes universidades que oferecem o curso a nível nacional: na Cidade do México está a Universidad Nacional Autónoma de México (UNAM), que oferece o curso chamado “Pesquisa Biomédica Básica” e na cidade de Puebla a Benemérita Universidad Autónoma de Puebla (BUAP).

Nas duas o curso tem duração de cinco anos. São as únicas universidades em todo o país a oferecer o curso de Biomedicina. Contudo, no México há muitas Pós-graduações (Mestrados e Doutorados) para a área biomédica. Ao nível de mestrado e doutorado, no México há muitas áreas a escolher, entre as quais se destacam Imunologia, Biologia Molecular, Epigenética, Toxicologia e Bioquímica.

A Biomedicina é uma área nova no México. Ainda não há um amplo campo de trabalho. A maioria dos estudantes que terminam o curso em Biomedicina escolhe estudar uma Pós-graduação na Cidade do México ou viajar para fora do país para se especializar em países como Inglaterra, Alemanha, Austrália e Brasil, pois são países mais avançados nesta área.

Mais informações: Entrevista com um estudante de biomedicina mexicano - http://migre.me/b9jY0

Finlândia

O curso é chamado de Biomedical Laboratory Science e tem a duração de três anos e meio.

O treinamento é baseado em conhecimento prático e aplicado em laboratórios clínicos e outros campos das ciências biológicas. Os estudos seguem os seguintes quatro temas: conhecimento profissional básico, processos de exames laboratoriais, ambiente de trabalho e desenvolvimento de habilidades.

O Biomedical Laboratory Scientist trabalha principalmente em laboratórios médicos e hospitais. Também trabalham em pesquisas médicas e no setor comercial. É bem parecido com nossas habilitações.

Mais informações: Helsinki Metropolia University of Applied Sciences - www.metropolia.fi

Brunno Câmara Biomédico

Biomédico, CRBM-GO 5596. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast (biomedcast.com).