Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

Uma visão geral sobre o curso de Biomedicina

sábado, junho 01, 2013 0 Comentários


Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

Recebo diariamente muitos e-mails de pessoas interessadas em cursar biomedicina e a pergunta que elas mais fazem é “Como é o curso de Biomedicina?”. Então decidi elaborar esse post, dedicado especialmente a quem tem o desejo de cursar Biomedicina, mas antes, quer ter uma noção de como é o curso.

Antes que os HATERS comecem a comentar, deixo claro que o que vou escrever a seguir é baseado na minha experiência durante o curso da faculdade em que me formei. Com certeza há uma variação entre os cursos pelo Brasil em relação às matérias, carga horária, estágios, etc. Há algumas diferenças também entre faculdades públicas e privadas.

O primeiro período/semestre é sempre considerado o mais chato, pois temos aulas de matérias aparentemente não relacionadas com o curso, como português, matemática, química, etc. O que acontece é que essas matérias, além de serem importantes, servem para nivelar o conhecimento de todos os alunos, já que cada um veio de um lugar diferente.

Ainda no primeiro período você já começará a ter contato com os laboratórios, principalmente com o de anatomia. No meu caso tive anatomia I e II, divididas em dois semestres. Então, compre seu jaleco e luvas o quanto antes. Obs.: Não dissequei cadáveres, apenas aprendi os nomes das estruturas do corpo humano através deles.

Os dois primeiros anos, ou quatro semestres, são constituídos de matérias básicas. Elas te darão todo o suporte para quando chegar nas matérias clínicas, você entenda melhor. São exemplos de disciplinas: fisiologia, histologia, bioquímica básica, microbiologia básica, genética básica, patologia, entre outras.

Em faculdades públicas e algumas privadas são oferecidos programas de Iniciação Científica (IC). Então caso você tenha interesse em atuar em pesquisa científica, é um bom momento para tentar conseguir uma vaga de IC ou estágio.

Chegando ao quinto semestre, você começará a ter mais aulas de laboratório e as matérias começarão a ficar mais detalhadas. Você terá hematologia, imunologia, bioquímica clínica, líquidos corporais, parasitologia clínica, genética médica, microbiologia clínica, entre outras. E assim também será o sexto período.

O último ano é dedicado a basicamente duas coisas: Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e Estágio Supervisionado.

O estágio tem duração de no mínimo um ano e é nele que você vai testar seus conhecimentos na prática, na vida real, sempre é claro sob a supervisão de um biomédico formado. Muitas faculdades têm seus próprios laboratórios escola, que até atendem a comunidade. Outras fazem parcerias com laboratórios externos para encaminhar seus alunos.

Então, é durante o estágio supervisionado que você definirá sua habilitação. Se a faculdade oferece apenas estágio em análises clínicas, você sairá com habilitação nessa área. Se ele oferecer mais de uma área, você tem a possibilidade de escolher.

O TCC é um trabalho, individual ou em grupo, em que você escolhe um tema de sua preferência e faz uma pesquisa bibliográfica ou trabalho de campo, para depois escrever tudo de relevante sobre o assunto.

Quando o trabalho é de campo, geralmente os resultados são inéditos. Quando é pesquisa bibliográfica você fará uma revisão da literatura, pesquisando em livros e artigos, muitas vezes correlacionando dois assuntos. No meu trabalho, por exemplo, fizemos uma correlação entre níveis elevados de VEGF-C e linfangiogênese tumoral.

Depois de pronto você tem que apresentá-lo para uma banca que aprovará ou não.

Concluído o curso, é pegar o diploma, fazer seu registro no Conselho Regional de Biomedicina da sua região e começar a trabalhar. Mas isso já é assunto para outro post.

Espero que tenha conseguido esclarecer algumas dúvidas!

Brunno Câmara Biomédico

Biomédico, CRBM-GO 5596. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast (biomedcast.com).