Cepa especial de E. coli é capaz de produzir diesel

Por Brunno Câmara - segunda-feira, abril 22, 2013



📚🔬 Apostilas e Livro Digitais

Utilize nossas apostilas digitais como material complementar aos seus estudos - hematologia, anemias, leucemias, uroanálise, parasitologia e líquor.


image

Parece ficção científica, mas um grupo de pesquisadores da Universidade de Exeter, com ajuda da Shell, desenvolveu um método para fazer bactérias produzirem diesel sob demanda.

Enquanto a tecnologia enfrenta muitos desafios comerciais, o diesel, produzido por cepas especiais de E. coli, é quase idêntico aos diesel combustível convencional e não precisa ser misturado com derivados do petróleo como normalmente ocorre com o biodiesel derivado de óleo vegetal.

A E. coli naturalmente transforma açúcar em gordura para construir sua membrana celular. Moléculas sintéticas de combustível podem ser criadas aproveitando esse processo natural de produção de gordura.

A quantidade produzida em laboratório ainda é pouca. O trabalho vai continuar para ver se é um atalho comercialmente viável para a produção em larga escala do combustível.

Mais informações –> link

Brunno Câmara Autor

Brunno Câmara - Biomédico, CRBM-GO 5596, habilitado em patologia clínica e hematologia. Docente do Ensino Superior. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Mestre em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro (área de concentração: virologia). Coordenador e docente do curso de pós-graduação em Hematologia e Hemoterapia da AGD Cursos. Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast.
| Contato: @brunnocamara |