Onde encontrar residência multiprofissional para biomédicos no Brasil

Por Brunno Câmara - quarta-feira, julho 25, 2018



📚🔬 Apostilas e Livro Digitais

Utilize nossas apostilas digitais como material complementar aos seus estudos - hematologia, uroanálise, parasitologia e líquor.

Vai estudar para um processo seletivo de concurso público ou residência multiprofissional? - Conheça nosso livro de questões comentadas


(Atualizado em 25/07/18) Como vocês sabem, o Biomédico pode fazer residência. Mas muitas pessoas têm dúvidas em relação aos locais onde podem encontrar essa modalidade de pós-graduação. Então, resolvi criar esse post com uma lista desses locais.

Atualmente no Brasil existem 28 programas de residências multiprofissionais com vagas para biomedicina.

Norte

Universidade do Estado do Pará – Hematologia e hemoterapia.

Hospital Universitário João de Barros Barreto (UFPA) – Oncologia.

Hospital Santo Antônio Maria Zaccarias (UFPA) – Saúde da mulher e da criança.

Centro Universitário Luterano de Palmas (CEULP/ULBRA) – Saúde Coletiva.


Centro-Oeste

Hospital das Clínicas da UFG – Hematologia e hemoterapia.

Hospital das Clínicas da UFG – Urgência e emergência.

Hospital Regional de Mato Grosso do Sul – Terapia intensiva/Análises clínicas.

Hospital de Doenças Tropicais (GO) – Infectologia.

Nordeste

Secretaria Estadual de Pernambuco – Saúde coletiva.

Hospital Getúlio Vargas (UPE) – Urgência, Emergência e Trauma.

Faculdade de Ciências Médicas (UPE) – Saúde coletiva.

Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães (ESPPE) – Saúde coletiva.

Centro Universitário Tabosa de Almeida (ASCES – UNITA) – Atenção Básica.

Centro Universitário Tabosa de Almeida (ASCES – UNITA) – Atenção ao Câncer e Cuidados Paliativos.

Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE) – Saúde coletiva.

Sudeste

Hospital Sírio-Libanês – Diagnóstico por imagem.

Hospital de Câncer de Barretos – Atenção ao câncer.

HC-FMUSP - Atenção oncológica ao adulto

UFTM – Saúde do adulto.

UFRJ – Saúde coletiva.

Fiocruz (RJ) – Vigilância Sanitária com Ênfase na Qualidade de Produtos, Ambientes e Serviços.

Faculdade de Medicina/USP – Assistência cardiorespiratória e circulação extracorpórea.

HEMORIO – Hematologia e Hemoterapia.

Sul

Universidade Luterana do Brasil de Canoas – Saúde do adulto e idoso.

Faculdades Pequeno Príncipe – Saúde da criança e do adolescente.

UFRGS – Saúde coletiva.

Escola de Saúde Pública (ESP/RS) – Vigilância em Saúde.

Universidade Franciscana (UFN) – Atenção Clínica Especializada com Ênfase em Infectologia e Neurologia.

Como entrar?

Para fazer a residência, é preciso ser aprovado em processo seletivo, semelhante a um concurso público. Na maioria dos locais, são realizadas provas e análises de currículos. Algumas instituições ainda acrescentam uma terceira etapa, a entrevista com os candidatos.

Quando fazer as inscrições?

A partir do segundo semestre do ano, começam a publicação dos editais. Por exemplo: se o edital foi publicado no segundo semestre de 2017, quem for aprovado vai começar a residência em março de 2018. Geralmente, o início do período letivo é padronizado para todos os programas. Então se você não quiser perder o período de inscrição, deve ficar de olho no site da instituição diariamente.

Confira o livro de questões comentadas para ajudar nos seus estudos


Brunno Câmara Autor

Brunno Câmara - Biomédico, CRBM-GO 5596, habilitado em patologia clínica e hematologia. Docente do Ensino Superior. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Mestre em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro (área de concentração: virologia). Coordenador e docente do curso de pós-graduação em Hematologia e Hemoterapia da AGD Cursos. Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast.
| @biomedicinapadrao | LinkedIn | Lattes |