Como se tornar um Biomédico Perito Criminal

Por Brunno Câmara - domingo, março 25, 2018


Curta nossa página ↓

Precisando de conteúdo para complementar seus estudos?
Conheça os Kits de Estudo Biomedicina Padrão: biomedicinapadrao.com.br/kits

Biomédico Perito Criminal

Cargo: Perito Criminal

O Perito Criminal é o policial a serviço da justiça, especializado em encontrar ou proporcionar a chamada prova técnica ou prova pericial, mediante a análise científica de vestígios produzidos e deixados na prática de delitos.

As atividades periciais são classificadas como de grande complexidade, em razão da responsabilidade e formação especializada revestidas no cargo.

O profissional estuda o corpo (ou objeto envolvido no delito), refaz o mecanismo do crime (para saber o que ocorreu), examina o local onde ocorreu o delito e efetua exames laboratoriais, entre outras coisas.

Como se tornar Biomédico Perito Criminal

Se você quer ser perito, a biomedicina é uma das profissões da área da saúde que pode proporcionar o ingresso no serviço público.

O cargo de Perito Criminal ou Criminalístico (podendo ser estadual ou federal) exige formação de nível superior em qualquer área do conhecimento, sendo que algumas polícias exigem formação específica, como por exemplo, Biologia, Farmácia, Química, Biomedicina, Engenharias, Física, Matemática, dentre outras.

Atualmente, a principal forma de você se tornar um perito criminal é passando em um concurso público, composta por várias etapas, como prova escrita, prova de títulos (análise de currículo) e prova física.

Precisa de habilitação ou especialização?

Não existe uma habilitação do conselho federal de biomedicina específica para o biomédico nessa área.

Geralmente, os editais dos concursos públicos não exigem alguma especialização ou habilitação como requisito.

Os requisitos básicos são: ser graduado em biomedicina e ter registro no conselho regional de biomedicina.

Porém, se você tiver especialização, mestrado e/ou doutorado, terá mais pontos na hora da prova de títulos e, consequentemente, subirá na classificação.

Relacionado: Entrevista com o Dr. Rodrigo Grazinolli, Biomédico e Perito Criminal

O que faz o Biomédico Perito Criminal

Pode atuar em diversas áreas da perícia, mas comumente fica na parte das análises forenses de amostras biológicas.

A genética e biologia forense é uma das áreas da ciência forense, que utiliza os conhecimentos e as técnicas de genética e de biologia molecular, para apoiar e auxiliar a justiça, a desvendar casos sob investigação policial e/ou do Ministério Público.

No caso de um homicídio, por exemplo, equipes de especialistas deslocam-se ao local do crime, recolhem vestígios considerados importantes, como fragmentos de pele do agressor, pelos, cabelos, manchas de sangue, entre outros, protegendo tudo o que possa ser passível de destruição.

Os Biomédicos limitam-se a analisar fatos, com base nos conhecimentos e rigor científico, e a elaborar relatórios para apreciação dos tribunais, que decidirão depois de confrontados outros meios de prova.

Quanto ganha um Biomédico Perito Criminal

Segundo a Secretaria Nacional de Segurança Pública, em estudo feito em 2011, a média nacional de remuneração para perito criminal era de R$ 5.699,41.

Com a remuneração mais alta, no Distrito Federal, o perito criminal recebe aproximadamente R$ 14.000,00. Já a menor remuneração fica para os peritos de Rio Grande do Norte, com valor aproximado de R$ 2.000,00.

Relacionado: Diagnóstico da Perícia Criminal no Brasil

Brunno Câmara Autor

Brunno Câmara - Biomédico, CRBM-GO 5596, habilitado em patologia clínica e hematologia. Docente do Ensino Superior dos cursos de graduação em Biomedicina e Farmácia. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Mestrando no Programa de Pós-graduação em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro do Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - UFG (IPTSP-UFG). Coordenador e docente do curso de pós-graduação em Hematologia e Hemoterapia da AGD Cursos. Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast.

  • Compartilhar:

Artigos relacionados

0 comentários

Não temos interesse em publicar nada que nos ofenda ou ofenda outros visitantes. Só são aprovados textos que valorizem o que fazemos aqui e que podem ajudar outras pessoas, agregando valor ao conteúdo. O comentário precisa ser útil!