5 áreas para biomédicos que gostam da área administrativa

Por Brunno Câmara - sexta-feira, julho 10, 2020



📚🔬 Apostilas e Livro Digitais

Utilize nossas apostilas digitais como material complementar aos seus estudos - hematologia, uroanálise, parasitologia e líquor.



Nem todo biomédico gosta ou prefere trabalhar com a parte mais técnica e prática da biomedicina, como fazer exames, atender pacientes, fazer pesquisa etc.
Existem diversas opções para quem gosta de unir a área da saúde com a parte administrativa e gestão. Confira:

Perfil do profissional

  • Gosta da parte mais teórica e administrativa
  • Gosta de ler, escrever e trabalhar com documentos (leis, regulamentos, etc.)
  • Tem cursos de idiomas (inglês, espanhol, mandarim etc.)
  • Tem conhecimento sobre tecnologia e informática

1. Saúde Pública/Sanitarista

Os sanitaristas são profissionais de nível superior, incluindo o biomédico, que atuam em diversas atividades nos sistemas e serviços de Saúde no Brasil.

Para se tornar um sanitarista você pode fazer o curso de graduação em saúde coletiva/pública, ou no caso do biomédico, fazer especialização, mestrado e/ou doutorado nessa mesma área.

Resumo das principais atividades

O profissional é capacitado para coletar e analisar dados para planejar e programar as ações que serão executadas no cenário da saúde pública brasileira.

Também realiza e coordena estudos para propor novos projetos e programas; faz vistorias na área da saúde pública; elabora documentos como informes e boletins, dentre outras atividades de organização e planejamento.

2. Gestão/Controle de Qualidade

A Gestão da Qualidade é utilizada para organizar, controlar e formalizar os procedimentos, visando redução dos custos, aumento da produtividade, correção das falhas, e consequentemente o aumento dos lucros, sempre com foco na qualidade e no cliente. É uma ferramenta administrativa para empresas que querem crescer de forma organizada e sustentável.

O biomédico não precisa ter uma habilitação específica para trabalhar na área. Ele vai precisar de conhecimento em gestão da qualidade, e experiência em laboratório.

Conhecer os conceitos da qualidade, das ferramentas da qualidade e como aplicá-las no laboratório é o que vai transformar o biomédico em gestor da qualidade. Esse conhecimento pode ser buscado através de especializações e mestrados.

Entrevista sobre Gestão da Qualidade com a biomédica Fabrícia Arruda

3. Auditoria em saúde

O papel principal do biomédico que atua nessa área é avaliar a conformidade da(s) empresa(s) em relação as Leis, Normas, Resoluções e se for o caso, as certificações que o Hospital, Laboratório, Clínica ou outro serviço que escolher para atuar.

Resumo das principais atividades

Administração dos Serviços de Saúde; Estatística Aplicada à Saúde; Revisão de Contas; Hospitais dirigidos por Entidades Federais, Estaduais, Municipais e Particulares; Gestão de Convênios;

Gerenciamento de Custos, dos quais incluem: -Organização Hospitalar; - Arquitetura Hospitalar; Sistema de Informações Aplicado na Organização; -Perfil do profissional Auditor; -Auditoria no SUS; -Auditoria na Saúde em geral; - Implantação de PSF em Clínicas e Hospitais Públicos e Particulares.

Entrevista com o Biomédico Luiz Fernando, auditor e gestor de qualidade

4. Assuntos regulatórios

O profissional que trabalha com assuntos regulatórios oferece suporte para a obtenção e/ou alteração de registros e cadastramentos de produtos junto aos órgãos competentes como ANVISA, INMETRO etc.

Esses produtos podem ser medicamentos, produtos médicos, cosméticos, medicamentos veterinários, alimentos, saneantes e domissanitários, dentre outros.

Bate-papo com a Biomédica Larissa Santos sobre Assuntos Regulatórios

5. Gestão das tecnologias em saúde

É um conjunto de atividades gestoras relacionado com os processos de avaliação, incorporação,
difusão, gerenciamento da utilização e retirada de tecnologias do sistema de saúde.

Considera-se tecnologias em saúde: Medicamentos, materiais, equipamentos e procedimentos;
Sistemas organizacionais, educacionais, de informações e de suporte; Programas e protocolos assistenciais, por meio dos quais a atenção e os cuidados com a saúde são prestados à população.

Resumo das principais atividades

O Biomédico pode exercer a função de responsável técnico pela elaboração e implantação do Plano de Gerenciamento das Tecnologias utilizadas na prestação de serviços de saúde; Monitorar a execução do Plano de Gerenciamento e promover a avaliação anual da sua efetividade.

O Biomédico deve implementar no plano de gerenciamento das tecnologias mecanismos que permitam a rastreabilidade das tecnologias utilizadas nos serviços de saúde.

Além disso, desenvolver para a execução das atividades de gerenciamento de tecnologias em saúde, normas e rotinas técnicas de procedimento padronizados, atualizados, registrados e acessíveis aos profissionais envolvidos em cada etapa do gerenciamento.

Gestão das Tecnologias em Saúde & Novidades nas Habilitações do Biomédico

Referências

Wander Veroni. Blog Saúde MG: #Curiosidade: Você sabe o que é e o que faz um Sanitarista? 2018.

IPOG Blog. Assuntos Regulatórios: quem são os profissionais que podem atuar nesta área? 2018.

Brunno Câmara Autor

Brunno Câmara - Biomédico, CRBM-GO 5596, habilitado em patologia clínica e hematologia. Docente do Ensino Superior. Especialista em Hematologia e Hemoterapia pelo programa de Residência Multiprofissional do Hospital das Clínicas - UFG (HC-UFG). Mestre em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro (área de concentração: virologia). Coordenador e docente do curso de pós-graduação em Hematologia e Hemoterapia da AGD Cursos. Criador e administrador do blog Biomedicina Padrão. Criador e integrante do podcast Biomedcast.
| Contato: @brunnocamara |